INFORMAÇÕES ÚTEIS

< Voltar

Fonte: Ministério do Turismo

Logo no desembarque, certifique-se de que sua bagagem se encontra fechada exatamente como estava no embarque;

Os momentos de embarque e desembarque são os mais críticos para um viajante. O cansaço e o excesso de pessoas nos aeroportos provocam desatenção e vulnerabilidade em relação a furtos. Fique atento nos terminais.

Para pedir informações ou auxílio, procure sempre um policial devidamente identificado ou um funcionário da empresa pela qual viajou. Evite pedir informações a estranhos.

Não se descuide de seus pertences em nenhum momento. Cuidado com homens ou mulheres que se aproximarem para fazer perguntas. O ato pode ter como objetivo apenas provocar sua distração. Fale sem deixar de vigiar sua bagagem;

Não abra a bagagem em público, principalmente se no interior houver equipamentos eletrônicos e dinheiro;

Não manuseie grandes quantias de dinheiro em público;

Se for utilizar o serviço de caixa eletrônico, certifique-se de que sua senha não seja vista por outras pessoas. No caso de pane no equipamento, solicite o auxílio de algum funcionário devidamente identificado;

Se alguém passar mal e lhe pedir para buscar socorro, faça-o sem deixar seus pertences com a pessoa. Mesmo que ela insista que sozinho você irá mais rápido;

Ao utilizar serviços de táxi ou carros alugados, prefira profissionais e empresas cadastradas. Ao entrar no veículo, solicite que todos os seus pertences sejam colocados no porta-malas. Em caso de negativa, procure outro táxi;

Ao utilizar o telefone celular dentro do táxi, faça-o de modo que o aparelho fique do lado oposto ao da janela;

Em caso de trânsito parado, evite manusear grandes quantias de dinheiro dentro do veículo.

Para mais informações, consulte o site da ANAC: www.anac.gov.br/assuntos/passageiros